CLICK HERE FOR THOUSANDS OF FREE BLOGGER TEMPLATES »

sábado, 6 de outubro de 2007

O ABRE ALAS

Como escrever sobre algo de que gosto muito? E se ninguém gostar? Ou até mesmo se eu não souber ter a inteligência de Alexandra Farah na utilização de suas palavras e as grandes “sacadas” – com clareza e estilo que lhe é cabível – na organização dos conteúdos?
Julgo mais importante do que todas as dúvidas e até mais importante do que a incerteza do sucesso do nosso blog, o amor com que hoje escrevo meu primeiro texto, o Abre Alas. Falar sobre moda não é algo que de repente caiu sobre nossas mãos por parte de um editor. Nossa relação com a tal da “moda” já ocorre há alguns anos, cada uma com seu estilo, e muito mais do que isso, cada uma com seu interesse em especial.
Espero passar toda essa adrenalina que sinto para vocês, e mais: com um conteúdo do qual eu e você possamos aprender e despertar ainda mais nossos interesses.
E por que do fundo do armário? Oras, sempre quando comento com a minha mãe sobre algum estilo que estou curtindo, lá vai ela: abre o armário, e do fundo dele o que ela tira? A peça tão desejada por mim; justo aquela que ela usava há alguns aninhos atrás.
É do fundo do armário, bem sabemos, que se escondem algumas das tendências que vemos hoje fazer sucesso nas passarelas e nas ruas. Então, nada mais justo que trazer de lá selecionadas pautas para satisfazer o sentimento de “quero mais” dos adoradores dessa arte.


A MODA QUE VESTE OS PÉS

rasteira Les Gazelles

Finalmente o clima esquentou, e a moda dos dedinhos de fora volta a retomar sua posição entre os modelos mais queridos nas sapateiras e vitrines.
As rasteiras que estampam os principais editoriais seguem algumas das tendências que você já deve ter escutado por aí. As cores cítricas (amarelão, verdão e laranjão), em verniz para realçar ainda mais; o azul bic que está em alta; e o rústico étnico que trouxe também para os pés uma mistura de cores neutras.
Dentre os modelos, figuram desde a antiga amiga das mulheres, a famosa rasteirinha básica de tiras fininhas (que não pode faltar em seu guarda roupa), e a inovação das tiras largas que podem compor um rebuscado calçado, e não deixa de ter como base o básico.
Outra inovação são os efeitos espelho. Mais comum entre os escarpins, peep toes e sandálias de salto alto, o efeito espelho entra de maneira diferente em algumas grifes, que o utilizaram como para estampar o topo de suas criações, como por exemplo, as rasteiras da grife de calçados Les Gazelles.

(fotos divulgação)

rasteira com tiras largas e rasteira com "espelho" como detalhe Les Gazelles

3 comentários:

Clariana Zanutto disse...

Aeee meninas
legal o blog de vocês!!!´vou adicionar no nosso! da uma passadinha lá depois www.cinelounge.wordpress.com
bjãooo!!

Luiza disse...

Lumbrigaaaaa,
Muito legal o Blog que vcs fizeram!!! Quando tiver matérias postadas por vc me avisa!!!!
Boa sorte!
Beijos
Lu

laurandrews disse...

A Fê arrasa!!!!